sexta-feira, novembro 03, 2006

Halloween!

Para quem não tem medo de Halloween (uma moda importada e que já pegou entre a nossa juventude) aqui está uma visão realmente aterradora:


(Imagem pilhada a este excelente blogue.)

1 comentário:

Carlos Portugal disse...

Bom, Caro FSantos, digam os américas o que disserem, eles baralharam tudo e querem impingir-nos a sua «tradição» de ignorância, misto de crenças e superstições misturadas no caldo de cultura de emigrantes de todos os sub-mundos deste mundo que constituem os E.U.A.

Na verdade, na Europa - a verdadeira, não a de Sua Azulidade Manga-de-Alpaca Comunitária - , a Tradição coloca o dia das bruxas na noite de 30 de Abril - a noite de Valpurga (Valpurgis Nacht) da Europa Central (por isso, o dia 1 de Maio tem as conotações que tem). Para nós, portugueses, católicos e também europeus de tradição, a madrugada do dia 1 de Novembro é a madrugada do dia de Todos-os-Santos e dos Fiéis Defuntos, nada tendo a ver com a palhaçada americana (e que eles não venham com pretensas «tradições celtas», pois não percebem nada disso).

Quando a miudagem americanizada à força de filmes imbecis me bate à porta nessa noite, digo-lhes que se enganaram no continente; que aqui é Portugal, e que os américas ficam a 3.000 quilómetros, por detrás do oceano - literalmente do sol-posto. Que vão para lá, se quiserem, e não perturbem um país católico na véspera de um dia religioso com parvoíces de paganismo serôdio.

Mas tem toda a razão, meu Caro. A abóbora com as estrelas da C.E. é mesmo assustadora, símbolo do que poderá estar à nossa espera se não lutarmos contra isso. Há já quem diga que o círculo de estrelas da C.E. é a nova «coroa de espinhos» da Europa.

E perdoe a violência do meu desabafo, mas já não tenho pachorra, nem para os américas a quererem impor a sua ignorância, nem para os tecnocratas cinzentos destruidores de culturas e nacionalidades da C.E.; afinal, todos servos da mesma organização.

Abraço