segunda-feira, agosto 21, 2006

Perdoai-lhes, Senhor...


Nas traseiras da igreja maronita de S. José, em Qaouzah, no Líbano, apareceu esta imagem quebrada de Nossa Senhora. Fora retirada do interior daquela igreja pela tropa israelita, que nela se instalou durante 16 dias.

5 comentários:

alex disse...

O FSantos é uma pessoa inteligente e é possuidor de uma vasta cultura.
Por isso mesmo habituou-me a mais. Muito mais.
O que se passa é que, quando aborda este assunto, o FSantos parece perder completamente as estribeiras.
Tenha paciência, mas este post é de uma demagogia indescritível.
Sem mais comentários.

De qualquer forma a imagem quebrada representa, também ela, uma judia que, segundo os Cristãos, deu à luz o Messias.

Anónimo disse...

Esta imagen toca el corazón de quienes somos católicos. ¿Fue esto consecuencia de un bombardeo o fue una acción individual o colectiva premeditada? Los cristianos estamos ya acostumbrados a que todo género de tropelías y sacrilegios sean cometidos en templos católicos tanto por musulmanes como por judíos.
Dios, Cristo, suele tener bastante paciencia para las afrentas contra Él. Y poca para las afrentas contra su Madre.
Efectivamente, Don Nelson, la Virgen María es judía. Al 100 %. Como lo es Jesucristo. Como lo son todos los Apóstoles. Como lo fueron todos los discípulos del primer momento. Quizás lo único que no se haya planteado Don Nelson es que a lo mejor si los judíos se hubieran convertido a la Fe de Cristo, como los musulmanes que los circundan, hace tiempo que muchos problemas del Medio Oriente hubieran sido subsanados.
Rafael Castela Santos

Anónimo disse...

O D. Nelson parece o Caturo (seu actual mestre espiritual!)
Só falta referir-se a Maria como a mãe do judeu crucificado!
- Tal mestre tal... Nelson

Legionário

acja disse...

Morram todos os sionistas sujos e os liberais malditos, como esse bosta desse Buiça.

alex disse...

ACJA, os seus comentários são elucidativos.
Chega a ser divertido ver a grande facilidade com que a 'máscara' de certa gente cai.

Naturalmente não vou responder, pois não desejo a morte a ninguém.
Enfim...valores.