segunda-feira, setembro 04, 2006

Claro como água

Para os esquecidos que dizem que são pró-Republicanos:
"Defendo os tradicionais valores Republicanos. Sempre fomos o partido da responsabilidade orçamental. Da conservação. Sempre avisámos contra o envolvimento em questões externas e opusemo-nos a que os governos se imiscuíssem na vida privada dos cidadãos." (Steve Laffey, candidato ao Senado dos EUA pelo Estado de Rhode Island)
Em poucas palavras se caracteriza a traição bushista aos valores Republicanos. Ao menos que os bushistas-neocons-ex-trotskistas-lobistas-pró-Israel criassem um partido novo, tipo União Americana de Defesa do Estado de Israel e Subordinada aos Especiais Interesses do Big Business. Não enganava ninguém.

4 comentários:

alex disse...

Independentemente da opinião sobre a actual Administração dos EUA (a minha opinião mantem-se completamente inamovível) o que o sr.Liffey diz é de uma enorme imprecisão e não resiste a uma análise histórica exaustiva.
Chega ao ponto de, muito provavelmente, aquilo que ele 'reivindica' como Republicano poder ser mais fácilmente atribuído a certas administrações Democratas.

Querem ver que temos novo 'ressabiado-parodiante' na área dos que fazem birra às portas de Washington....uma cidade tão bonita e com tão belos monumentos, que eles conhecem tãããão bem e agora falam como se nunca lá tivessem estado.

Anónimo disse...

O Partido Republicano tem uma longa tradição de amizade com Israel.
Tanto ou mais que os Democratas.

a voz disse...

Hoje em dia já não há aquela grande diferença ideológica entre o partido do burro e o partido do elefante.
É a economia...

AA disse...

É curiso verificar que começa a existir uma facção anti-bug-government dentro do partido Republicano. Esperemos que vingue.