sábado, novembro 18, 2006

Cinco manias

Três confrades desafiaram-me a listar cinco manias que tenha. Trata-se de um exercício a que em tempos respondi e, como cinco manias não é pouco, vou aqui reproduzir a resposta dada em Fevereiro passado.

1 – Quando pretendo ouvir música clássica tento assegurar as máximas condições de silêncio possíveis. Caso essas condições não existam, prefiro não ouvir nada.
2 – Quando vou ver um jogo do meu Belenenses escolho sempre roupa azul.
3 – Quando edito um postal no meu blogue releio-o umas duas ou três vezes até ter a certeza de que ao teclar não deixei um erro ortográfico que seja.
4 – A arrumação de discos e livros em minha casa obedece às seguintes regras:
4.1 Discos: por ordem rigorosamente alfabética de autor. Assim, é-me mais fácil localizar o que pretendo ouvir.
4.2 Livros: de literatura, por ordem de país de origem e, dentro desta, por ordem alfabética do autor; de história, por época histórica (o que às vezes origina que obras de um mesmo autor estejam espalhadas por várias épocas).
5 – Antiquado ou não, é-me impossível passar por uma porta à frente de um representante do sexo feminino.

6 comentários:

Mendo Ramires disse...

Meu Caro:
A ordem alfabética é a do nome próprio ou a do apelido?... (eu uso a primeira para os autores portugueses e a segunda para os estrangeiros — uma grande nania, aliás!). Talvez a Tua resposta me ajude a uniformizar o critério.
Um abraço.

Flávio Gonçalves disse...

Estou em crer que isto deu a volta toda à blogosfera e nos apanhou a nós novamente =)

F. Santos disse...

Caro Mendo, é por apelido, salvo excepções - como Rodrigo Emílio (que está na letra R) - quando o autor é melhor conhecido pelo nome próprio. Na música também uso o apelido, o que leva a uma sequência interminável de "B": Bach-Beethoven-Berg-Brahms-Britten-Bruckner ou de "S": Scelsi-Schönberg-Shostakovitch-Schubert-Schumann. Na música tenho os autores portugueses à parte, os outros estão juntos. A ópera também está separada. Por vezes hesito em colocar a música por épocas: barroco, classicismo, romantismo, pós-romantismo, contemporânea; mas nunca me decidi.
Caro Flávio, são modas. Há uns tempos eram "os livros da nossa vida".

Mendo Ramires disse...

Obrigado pela dica.

Já agora: Separas uma Colecção para pôr os livros (ou discos) agrupados por Autores?

Aproveito ainda para deixar uma errata ao meu comentário anterior (ando mesmo a precisar de óculos):
Mania (na 5.ª linha).

F. Santos disse...

«Separas uma Colecção para pôr os livros (ou discos) agrupados por Autores?» - Sim, convictamente!

Mendo Ramires disse...

... É como eu.
Abraço!