terça-feira, março 06, 2007

Atrocidades israelitas reveladas

Um documentário recentemente exibido na televisão israelita está a incendiar o ambiente no Egipto. O referido programa revela que o exército israelita terá liquidado 250 prisioneiros de guerra egípcios no final da Guerra dos Seis Dias, em 1967.
Israel, naturalmente, fala de deturpação da realidade. O que é certo é que estas alegações não são novas e inclusivamente um general israelita reformado reconheceu há uns anos ter ele próprio ordenado a morte de 49 prisioneiros. Certamente em legítima defesa...

3 comentários:

alex disse...

Parafraseando o comentador Rodrigo, é caso para dizer:

"Todos os regimes cometeram atrocidades em guerra."


:-)

Anónimo disse...

http://www.ussliberty.org/

JÚLIO SILVA CUNHA disse...

Não muito diferente dos "pretos" das campanhas de policiamento "tugas" pelas províncias africanas!
J.